28/09/2021 às 07:08, Atualizado em 28/09/2021 às 07:38

Com recursos da Lei Aldir Blanc, Sidrolândia terá orquestra sinfônica

O curso será ministrado pelo maestro Jefferson Lopes de Moura, que é funcionário da Prefeitura.

Cb image default
Foto: Secretária Dr. Elaine Brito, Prefeita Vanda Camilo, Presidente da Fundação de Cultura Carol Terra e Maestro Jefferson Lopes de Moura.

Dentro de um ano Sidrolândia terá sua orquestra sinfônica, com 69 integrantes, crianças e adolescentes entre 8 e 17 anos, selecionados entre alunos da rede municipal de ensino. Por 12 meses eles farão o curso de formação musical, com aulas no contraturno. A formatura dos futuros músicos será uma apresentação de estreia na presença dos familiares e do público em geral.

A formação da Orquestra Sinfônica foi um dos projetos selecionados, habilitados por meio de edital lançado pela Fundação Municipal de Cultura, para receber recursos da Lei Aldir Blanc. A lei é um auxílio emergencial instituído pelo Governo Federal para apoiar a atividade cultural duramente afetada pela pandemia.

Cb image default

Com investimento de R$ 243.624,70, já foram adquiridos os instrumentos da futura orquestra. Dentro de poucos dias chegam a Sidrolândia 10 violinos, quatro violas clássicas, três violoncelos, dois contrabaixos, quatro flautas transversais, duas trompas, dois oboés, um fagote, dois cajons elétricos, quatro agogôs, quatro rocar, dois saxofones alto, dois saxofones tenor, três clarinetes, três trombones de pisto e três de vara, bateria, três bumbos, quatro triângulos e quatro patros de bronze.

A prefeita Vanda Camilo diz que a Orquestra Sinfônica será um projeto de inclusão social para despertar vocações e até revelar talentos para a música. "Esta iniciativa e mais a do Bombeiros do Amanhã, são iniciativas que nossa gestão promoverá em favor das nossas crianças e adolescentes", comenta.

Formação

Após terem contato com a sonoridade musical de alguns instrumentos de orquestras como violinos, violas clássicas e violoncelos, inicialmente os alunos aprenderão teoria musical, para em seguida descobrir para qual instrumento terão aptidão. O curso será ministrado pelo maestro Jefferson Lopes de Moura, que é funcionário da Prefeitura, e musicista formado com várias capacitações de música, professor de música em escolas públicas e particulares da cidade.

Nos próximos dias serão abertas as inscrições para quem quiser participar do projeto. Serão feitas presencialmente na Casa da Cultura, localizada na Avenida Antero Lemes da Silva, Bairro Sol Nascente, no Parque Vacaria, de segunda a sexta-feira das 13h às 16h.

Será preciso levar documento de identidade ou certidão de nascimento, uma foto 3X4, declaração de escolaridade e comprovante de residência, e estar acompanhado de um dos pais ou do responsável. Para participar, o aluno não precisará ter conhecimento musical ou possuir algum instrumento.