06/06/2017 às 15:49, Atualizado em 15/09/2020 às 13:44

Prefeitura implanta coleta de óleo de cozinha para preservar meio ambiente

Cb image default

Prefeitura Municipal de Sidrolândia juntamente com a Secretaria de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente, implanta serviço de coleta de óleo de cozinha usado. Trabalho esse que visa preservar o meio ambiente da poluição provocada por esse material.

Os pontos de coletas de óleo de cozinha usado no município estão localizados em todas as escolas públicas da área urbana e também na Secretaria de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente. O objetivo é realizar a coleta do óleo usado que é descartado de maneira inadequada no município, que na maioria das vezes são descartados nas pias e no solo, e acabam prejudicando o meio ambiente.

Para realizar a coleta o morador deve esperar o óleo esfriar após o uso, em seguida armazená-lo em uma garrafa PET, por último depositar a garrafa fechada em um dos pontos de coletas, denominados, “EcoPonto”.

Cb image default
Engenheira Ambiental da prefeitura, Marielli Zielinski (Foto: Rafael Brites)

A Engenheira Ambiental da prefeitura, Marielli Zielinski, , afirma que a coleta é muito importante para que a população possa descartar corretamente o óleo de fritura. "O mais comum é que o óleo seja despejado no ralo da pia da cozinha, mas esta atitude é bastante poluidora e pode causar prejuízos irreversíveis ao meio ambiente." Cada litro de óleo despejado no esgoto tem potencial para poluir cerca de um milhão de litros de água, o que equivale à quantidade que uma pessoa consome ao longo de quatorze anos de vida. Se for para a rede de esgoto, o óleo também encarece o tratamento dos resíduos em 45%. O óleo que atinge os rios provoca a impermeabilização dos leitos e terrenos adjacentes, o que contribui para ocorrência de enchentes.

Vale lembrar que um litro de óleo descartado de maneira inadequada contamina vinte mil litros de água. Porém, a partir do descarte correto, é possível fazer sabão, tintas e até mesmo combustível.